‘Volta ao encantamento com a política no país’, diz Gerson Camarotti sobre o aumento do voto jovem

Richard Kill
Richard Kill
2 Min Read

Deu certo a campanha do Tribunal Superior Eleitoral para estimular os jovens. Nos últimos dois meses, o aumento da emissão do título de eleitor foi expressivo.

Um número bem superior ao aumento de 4 anos atrás. A campanha de mobilização pela internet foi grande e ajudou um público que andava desmotivado com a política.

Gerson Camarotti analisou o aumento de eleitores jovens no Brasil. Segundo o comentarista, “foi uma campanha importantíssima de mobilização, de volta ao encantamento com a política no país”. Camarotti lembrou da história do voto facultativo e disse: “ao longo dessas duas últimas duas décadas, dos anos 2000, anos 2010, a gente viu uma diminuição cada vez mais progressiva dessa participação”.

Sobre as críticas do presidente Jair Bolsonaro à campanha para estimular o voto jovem, Camarotti disse: “é verdade que existe sim, uma rejeição maior desse eleitorado jovem ao presidente Jair Bolsonaro”. “Essa campanha ajuda a resgatar esse encantamento”, disse o jornalista.

“Ao invés de criticar a participação, o engajamento, a tentativa de maior número de eleitores nesse grupo específico de jovens, deveria terá acontecido é o contrário. Tentar atrair e motivar esses eleitores e aí conquistar durante a campanha. E não fazer uma crítica a algo tão fundamental pra demoraria que é a participação de todos no dia o voto.”

Share This Article
Leave a comment